A interação entre o ser humano e a máquina já é uma realidade bastante contundente nos dias de hoje e está mais próxima do que se imagina. Serviços de atendimento público virtual já usufruem de uma gama de aplicativos conhecidos por chatbots, que são a tendência do atendimento inicial dos call centers e outras empresas. Mas, afinal, o que são chatbots? Como funcionam e onde colocá-los na empresa? É possível aumentar as vendas com essa tecnologia?

Que tal entender um pouco mais sobre essa revolução no relacionamento com o cliente? Acompanhe na leitura deste artigo!

O que são os chatbots?

Os chatbots são softwares que podem ser programados com regras de interação baseadas em inteligência artificial, respondendo a perguntas e até mesmo conversando com seres humanos por meio de mensagens escritas ou faladas.

Os chatbots geralmente estão presentes em canais de atendimento que oferecem informações ou orientações frequentes sobre determinado produto ou serviço.

Basicamente, o assistente virtual é projetado para dar o atendimento inicial oferecendo soluções que não necessitam de um atendimento complexo, dispensando o envolvimento humano.

Como os chatbots podem ajudar na empresa?

Empresas de todos os tamanhos têm aderido à presença dos chatbots a partir do entendimento de que até 90% dos atendimentos primários podem ser solucionados com respostas padronizadas.

Além disso, alguns softwares são capazes de compreender o comportamento humano, o que torna as conversas mais naturais e cria empatia entre o consumidor e a empresa que oferece o atendimento.

Dessa forma, a empresa pode direcionar sua força de atendimento humano para situações mais complexas, diminuindo custos e aumentando a resolução de problemas.

Como é uma experiência com um chatbot?

Imagine que você tem uma dúvida sobre um produto eletrônico que acabou de comprar no shopping em uma noite de sábado. Então, você resolve entrar em contato imediatamente com o fabricante, que naquele momento está à disposição para informar sobre o sistema bivolt do aparelho. O atendente informa que o produto é seguro tanto para 127 volts quanto para 220 volts, e que você pode ficar tranquilo para conectá-lo em qualquer tomada de sua residência. Essa conversa cordial em plena noite de sábado pode perfeitamente acontecer com um chatbot.

Sim, os chatbots, além de resolverem problemas como esses, podem atender seus clientes 24 horas por dia, nos 7 dias da semana, tornando a empresa mais próxima e presente, com naturalidade e eficiência.

Os chatbots podem ajudar nas vendas?

A tecnologia de atendimento automatizado pode atuar na empresa como um propulsor de vendas nos diversos canais digitais em que se faz presente. Nas redes sociais ou em aplicativos como o Skype, a interação pode ser direcionada para a área de vendas, já que o programa pode identificar o melhor momento de abordar o cliente e oferecer ajuda.

Por exemplo, quando um cliente acessa um site de vendas de peças automotivas, o programa pode iniciar uma conversa com o visitante, perguntando se ele precisa de atendimento ou se tem alguma dúvida. A partir daí, o atendimento pode ser direcionado ao profissional mais adequado àquilo que o cliente procura.

Esse tipo de serviço pode ser oferecido por qualquer empresa, de qualquer tamanho. As possibilidades de implementação da tecnologia são inúmeras e adaptáveis a qualquer negócio.

Quando a empresa compreender o que são chatbots, a percepção de onipresença mudará e as relações entre o negócio e os clientes nunca mais serão as mesmas, já que a disposição de atender e estar presente na vida do consumidor será a todo momento e em qualquer lugar.

Gostou do artigo? Então, que tal saber um pouco mais sobre geolocalização para ajudar nas vendas?